Adiasmachado ---Jorge Braga ---- Álvaro de Oliveira --- ToniAntónio Nicodemos
de 10 de Fevereiro a 3 de Março de 2018, na Galeria Vieira Portuense

segunda-feira, 16 de outubro de 2017

"Agricultor"

Autor: JORGE BRAGA

Autor: ADIASMACHADO

"Evolução"

Autor: JORGE BRAGA
Autor: ADIASMACHADO

"Alma"

Autor: JORGE BRAGA
Autor: ADIASMACHADO

Fotos






JORGE BRAGA

Jorge Braga nasceu em Esposende, uma pequena localidade no Norte de Portugal.
Cedo se destacou no mundo das letras, em particular na poesia, ganhando prémios em concursos e jogos florais, colaborando em revistas, jornais e programas de rádio.
Numa passagem voluntária pela Força Aérea Portuguesa, colaborou com as revistas da instituição.
De regresso à vida civil, voltou aos estudos, como trabalhador estudante e licenciou-se em Engenharia e Gestão Industrial.
Em 1991 publicou a seu primeiro livro de poemas “ELOS”, abrindo, assim, caminho a um novo percurso pelo mundo das letras.
Publica o seu segundo livro “PARADOXIA” em 1992, onde contou com a presença do Presidente do Instituto do Livro e da Leitura.
Em 1994, publica “GALARIM”, onde se afirma como poeta no mundo académico, sendo a apresentação promovida pela Universidade Lusíada, onde era aluno.
Em 1997, publicou, com o apoio do CSJM (Centro Social Juventude de Mar), a obra “EXCITAÇÕES DA RAZÃO” e dá início a uma nova forma de escrever poesia, a Crónica Poética.
Em 2005, publicou “Plectro Inato”, com o apoio da Universidade Lusíada.
Em 2014, tirou uma formação em Técnicas de Produção de Moldes para Escultura na Faculdade de Belas Artes do Porto.
Em 2014, publicou a obra poética “Amenas Tempestades”, pela Vesbrava.
Em 2015, integrou a I Bienal de Artes de Gaia, com a sua escultura em bronze, “Beijo”.
Em 2015, integrou a Art Shopping no Carrousel du Louvre em Paris com a escultura em bronze “Vida”.
Em 2016, integrou uma colectiva no Consulado Geral do Equador, em Milão, com a escultura em bronze “Quase”.
Em 2016, integrou  a ARTIS, colectiva de Seia, com as esculturas em bronze “Beijo” e “Vida”.
Em 2016, participou na I Mostra Internacional de Arte de Braga com a escultura em bronze “Quase”.
Em 2016, integrou a Exposição Anual dos Artistas de Gaia com a escultura “Agricultor”.
Em 2016, integrou a I Expoética de Braga  com as esculturas  em bronze “Anjo na Terra” e  “Caminhante”.
Em 2016, integrou uma colectiva no Convento São Domingos em Viana do Castelo  com as esculturas “Fases da Vida”, e “Anjo na Terra”.
Em 2016, integrou uma colectiva na exposição “El Outro”, em Mourille, Espanha, com a  escultura em ferro e gesso “Confessionário”.
Em 2016, integrou uma  colectiva  na exposição “O Outro”, em Montalegre, com a escultura em bronze “Beijo”.
Em 2016, publicou  “As histórias do tubarão azul”, conto infanto-juvenil, pelas Vesbrava.
Em 2016, integrou  uma colectiva na Galeria de La Pigna em Roma, Itália.
Em 2016, foi seleccionado e integrou a colectiva do concurso  da Fundação Bienal de Cerveira para artistas do Alto Minho e Galiza.
Em 2017 integrou a colectiva “Génesis” na sala gótica da Câmara Municipal de Barcelos.
Em 2017 integrou uma colectiva de artes em Melide, Espanha.
Em 2017 integrou a II Bienal Internacional de Arte de Gaia com a escultura “Alma”

ADIASMACHADO

Adiasmachado, nasceu no coração do Minho no mês de Setembro do ano de 1961, filho de uma pintora de flores e de um escultor de rostos, começou a pintar e a escrever quando ainda criança porque na arte encontrou a forma mais simples e profunda de poder dizer tudo aquilo que lhe brota da energia do sangue e do sentimento da alma, como forma de responder à vida o que a vida é neste seu jeito de estar vivo... 

Aprendeu na observação intensa da natureza a sua maneira de pintar e escrever, e com as almas maravilhosas que se cruzaram com ele, e partilharam os saberes de todo o conhecimento estético das coisas que são a essência da vida... 

Participou em bienais e centenas de exposições individuais e coletivas em Portugal e no estrangeiro, representado em diversos locais públicos tanto do estado como privados, museus, câmaras municipais, bibliotecas, juntas de freguesias etc. vencedor de menções honrosas e prémios um dos quais atribuído pela câmara de V. N. Famalicão ---prémio Benjamim Salgado em pintura ---- fez parcerias com desenhos em livros, autor de diversas capas e na poesia participou em diversas antologias...

"Vida"

Autor: JORGE BRAGA